NO AR
RONDÔNIA NO AR
Rolim de Moura - Rondônia
 
Conheça a fita de Möbius, o objeto de um lado só que ainda é um mistério para matemáticos
05/10/2018 / 19:15

 Com 160 anos de existência, a fita de Möbius ainda intriga especialista de diversas áreas por sua capacidade de desafiar as leis da física. Criada pelo astrônomo alemão August Ferdinand Möbius, em 1858, o objeto é conhecido como o símbolo do infinito.

 
A fita é chamada pelos matemáticos de um objeto não orientável, o que significa que é impossível determinar qual é o lado de cima e qual é o debaixo. Essa é sua principal característica. “É algo complicado de entender intuitivamente”, explica o professor de Matemática da Universidade da Columbia Britânica, Alejandro Adem.
 
O professor explica que se uma pessoa tentasse caminhar pela parte de cima da fita, ao dar a volta completa e chegar ao local de partida, estaria, sem perceber, na parte de baixo. Quem tentasse caminhar do lado externo da fita acabaria no lado interno.
 
Objetos não orientáveis
 
 
Outros objetos podem ser ainda mais complexos do que a fita, como é o caso da garrafa de Klein. “Se você coloca água em uma garrafa normal, a água não sai. Mas, se colocasse em uma garrafa de Klein, a água sairia, porque a garrafa não tem uma parte interior. Nela, o interior e o exterior se confundem”, explica Débora Tejada, doutora em Matemática e professora da Universidade Nacional em Medellín, em entrevista à BBC. “A fita de Möbius pode ao menos ser construída em três dimensões, mas a garrafa de Klein só poderia existir em quatro dimensões”, explica.
 
 
 
 
 
 
https://br.yahoo.com/financas/noticias/conheca-fita-de-mobius-o-objeto-de-um-lado-que-ainda-e-um-misterio-para-matematicos-162455641.html
PARCEIROS
 
SISTEMA RONDÔNIA DE COMUNICAÇÃO