NO AR
RONDÔNIA NO AR
Rolim de Moura - Rondônia
 
Falha de segurança do WhatsApp deixa intruso entrar em grupo sem ninguém saber
14/01/2018 / 09:58

 Uma matéria publicada pelo site da revista norte-americana Wired, especializada em tecnologia, colocou uma pulga atrás da orelha de todas as pessoas que usam grupos de WhatsApp para se comunicar.

 
Resultado de imagem para Falha de segurança do WhatsApp deixa intruso entrar em grupo sem ninguém saber
 
De acordo com a publicação, um grupo de pesquisadores da Ruhr University Bochum, da Alemanha, encontrou uma falha de segurança séria no aplicativo.
 
Qualquer pessoa que controla os servidores do WhatsApp, segundo o artigo científico, pode colocar usuários intrusos em um grupo de conversa sem que o administrador ou qualquer outro membro saiba.
 
A falha de segurança no WhatsApp prevê que qualquer pessoa que controle o servidor do aplicativo - um funcionário ou hackers que consigam encontrar brechas no sistema - consiga incluir um perfil intruso nos grupos de conversa.
 
A inclusão sequer precisa ser autorizada pelo administrador do grupo e, uma vez que o "membro não convidado" entre na conversa, ele poderia manipular o servidor para que sua presença seja detectada mais tardiamente.
 
"A confidencialidade do grupo está quebrada assim que o membro não convidado pode obter todas as novas mensagens e lê-las", disse Paul Rösler, um dos pesquisadores à revista Wired.
 
A análise dos pesquisadores alemães mostra que o ataque aos grupos no aplicativo vem de um simples erro.
 
De acordo com o artigo, quando um administrador chama um novo membro para o grupo, não há nenhum mecanismo de autenticação interno para esse convite.
 
Resultado de imagem para Falha de segurança do WhatsApp deixa intruso entrar em grupo sem ninguém saber
 
A análise dos pesquisadores alemães mostra que o ataque aos grupos no aplicativo vem de um simples erro.
 
De acordo com o artigo, quando um administrador chama um novo membro para o grupo, não há nenhum mecanismo de autenticação interno para esse convite.
 
O bafafá foi tanto que o chefe de segurança do Facebook (o WhatsApp faz parte da empresa desde 2014) se pronunciou em uma série de mensagens no Twitter sobre a descoberta dos pesquisadores.
 
Resultado de imagem para Falha de segurança do WhatsApp deixa intruso entrar em grupo sem ninguém saber
 
Ele afirmou que a segurança dos usuários se mantém protegida por conta da criptografia ponta a ponta das mensagens. "Em suma, as notificações claras e múltiplas formas de verificar quem está no seu grupo impedem a escuta silenciosa. O conteúdo das mensagens enviadas nos grupos WhatsApp permanece protegido por criptografia de ponta a ponta".
 
 
 
 
 
 
vix.com
 
PARCEIROS
 
SISTEMA RONDÔNIA DE COMUNICAÇÃO